"Associação de Ensino Profissionalizante - Espro"

O RCSP recebeu como palestrante do dia em 29/03/2017 o Companheiro Márcio Arroyo, 2.º Vice Presidente do Conselho Superior e integrante do Comitê de Auditoria do Espro em sua 31.ª Reunião Ordinária do ano rotário 2016- 17, falando sobre a atuação do Espro em todo território nacional. Confira parte da exposição e para ouvi-la na integra, acesse o áudio palestra em www.rotarysp.org.br/podcast. ESPRO – Educa, Transforma, Inclui “Só o trabalho gera riqueza” “O trabalho enobrece e dignifica a vida do homem”. Instigar, propagar e praticar esse conceito junto ao jovem é um serviço rotário de valor inestimável. A partir dessa ideia, iniciou- -se o trabalho com uma organização pratica- mente interna e colocações dos jovens iniciantes na vida profissional em empresas conhecidas, como apoio a essa iniciativa ... e deu certo! Logo que as grandes empresas iniciaram o interesse, menos colaborativo, mas sim participativo e interessado, o movimento cresceu nacionalmente. O sucesso começou a aparecer, pois os jovens alocados nas empresas não eram jovens inexperientes, mas havia um conhecimento inicial, fator preponderante para um maior e mais rápido aproveitamento nas empresas. O esmero no preparo do jovem era pois cada vez mais exigido pelas novas circunstâncias, o que coube a organização mais apurada e profissional. Isto não só para seguir as leis brasileiras, como vencer obstáculos pertinentes a qualquer trabalho. Na verdade tornou-se uma instituição eximiamente profissional com controles, atualizações constantes para o resultado cada vez mais positivo, com a participação de mais de 500 colaboradores foi não só preparar o jovem em si, outrossim, ter a colaboração dos familiares. Portanto, um ensino profissionalizante e o acompanhamento social familiar. Surgiu então a ESPRO - Ensino Social Profissionalizante foi fundado em 1979 por alguns Rotary Club da cidade de São Paulo, acreditando que educação e assistência social são as bases para o desenvolvimento integral do ser humano. Por isso, o ESPRO busca proporcionar a milhares de jovens e seus familiares oportunidades de inclusão social e melhoria de vida. O Espro tem por missão “promover a inclusão social por meio de ações socioeducativas, mediação de acesso e integração ao mundo do trabalho” e como visão “ser uma instituição do terceiro setor reconhecida pela liderança, excelência, inovação e impacto social por meio de proteção e inclusão social.” Os valores que apregoa são a “Ética, Excelência, Transparência e Responsabilidade Social”. A evolução do ESPRO passou por várias etapas durante o tempo: 1979 - Espro é fundado pelo Rotary Club de São Paulo para oferecer o Curso de Capacitação Básica para o Trabalho; 2000 - Criada a Lei da Aprendizagem (nº 10.097) e o Espro foi uma das instituições pioneiras a oferecer o programa Jovem Aprendiz. Também iniciou sua participação em Fóruns e Comissões; 2008 - Criação do Fórum Nacional de Aprendizagem Nacional, do qual o Espro é integrante e participa ativamente da criação do espaço e das discussões; 2009 - Espro inicia a formação de estrutura da Governança Corporativa; 2010 - O Espro foi reconhecido pelo Ministério do Trabalho e Emprego com o Selo Parceiros da Aprendizagem. 2011 - Espro consolida a Governança Corporativa e passa a contar com Superintendência e Controller, além do Conselho; - Nova identidade visual, novo Portal e inicia padronização das unidades pelo país; 2013 - O Espro sedimenta sua atuação e fecha projetos de patrocínio customizados com Atento, Cyrela e Votorantim; 2015-17 - Reconhecimento com o Prêmio LIF de Sustentabilidade da Câmara de Comércio França-Brasil, Prêmio Fornecedores de Confiança da Revista Melhor, da Editora Segmento e 100 melhores fornecedores de RH da Revista Gestão RH. Com a atuação do Conselho a dinâmica estendeu-se positivamente encaminhando o roteiro do ESPRO para o sucesso profissional. Tendo como Presidente Fernando de Almeida Nobre Neto e conselheiros dos quais alguns também pertencem ao RCSP: Arthur Teixeira Mendes Neto; Carlos Alberto Pereira Goulart; Clóvis Tharcísio Prada; Fernando Pereira de Matos; João Gilberto M. M. de Campos; Luiz Augusto Prado Barreto; Márcio Arroyo; Thadeu Teixeira de Freitas; Irineu De Mula; Francisco Carneiro de Souza. O trabalho do ESPRO passou a ser Nacional, além da Matriz em São Paulo, 8 filiais e polos em mais de 50 cidades por todo o Brasil. Nestes dias, mais três polos abertos em 3 cidades paranaenses como consequência de uma concorrência ganha na SENEPAR pela ESPRO, com a colocação de 250 jovens. Outras parcerias com mais de 2.000 empresas empregam os jovens aprendizes. Verifiquemos os dados abaixo: • Estatística de 2016 - 83.789 atendimentos a jovens, famílias, comunidades; 20.259 - Programa Jovem Aprendiz; 3.662 - Formação para o Mundo do Trabalho; 59.868 - Atendimentos sociais Oficinas de Convivência; Geração de Renda Intervenção Sociofamiliar; Visita Domiciliar, Visita Técnica nas parceiras e Orientação Socioeducacional e Profissional. • Hoje mais de 11.000 jovens em um mesmo mês. Pertence aos Conselhos Nacional, Estadual e Municipal: Conselho Nacional de Assistência Social; Conselho Estadual de Assistência Social ; Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente; ES- PRO tem os Serviços: - Formação para o Mundo do Trabalho (GRATUITO); - Jovem Aprendiz, - Desenvolvimento Social (Oficinas de Arte e Cultura, Convivência, Geração de Renda, entre outras). Embora sejam aspectos impressionantes, a busca é cada vez mais ultrapassar novos limites e novas conquistas. Tudo para Educar, Transformar e Incluir!

Interact

interact3O Rotary Club de São Paulo patrocina dois Interacts Clubs a saber:

Leia mais...

Rotaract

rotaract3Desenvolver qualidades de liderança e perícia profissional

Leia mais...

Intercâmbio de Jovens

intercambio3Hoje, 150 países e regiões estão envolvidos no Programa de Intercâmbio.

Leia mais...